quinta-feira, 23 de março de 2006

Fronteiras


Em um instante tudo me leva a você
Oceano vira rio, nova terra é teu corpo
Nenhum desejo é perdido, cada afago é integrado
Tudo é vivido em cada detalhe, em cada momento

Deseja-se do amor a intensidade
Há caminhos desenhados para os que amam
Uma espécie de promessa moldada em um novo sentimento
Uma causa sustentada pela ânsia de ter o outro

Entretanto, desejar não é possuir os extremos
Pois há liberdade no amor
Descobre-se territórios antes perdidos
Acalenta-se o encanto de viver o outro

É uma circunstância o amar, uma etapa
Pois se projeta todo o sentimento em uma aposta
E em seguida os resultados se materializam
E mesmo que não atinjam o que era esperado
Continua-se tentando sempre, pois assim é o sentir